Posições perceptivas

Uma das primeiras coisas que aprendemos sobre o mundo é que nem todos compartilham nosso ponto de vista. Para compreender situações plenamente, precisamos adotar diferentes perspectivas, assim como é aboservar um objeto de vários ângulos. Um só ponto de vista oferece apenas uma dimensão, uma única perspectiva, verdadeira naquele ângulo, mas um retrato incompleto do objeto inteiro.

Não existe uma perspectiva "correta", seja qual for a situação. Você constrói compreensão a partir de muitas perspectivas. A PNL oferece três dessas perspectivas:

A primeira posição é a própria realidade, sua própria visão de qualquer situação. A maestria pessoal vem de uma primeira posição forte. Você precisa se conhecer e a seus valores para ser um modelo eficaz e influenciar outros através de exemplo.

A segunda posição é dar o salto criativo de sua imaginação para compreender o mundo a partir da perspectiva de outra pessoa, pensar da forma pela qual ela pensa. A segunda posição é a base da empatia e do rapport. Dá-nos a capacidade para apreciarmos os sentimentos de outros.

Há dois tipos de segunda posição:
Segunda posição emocional é compreender as emoções da outra pessoa. Portanto, você não deseja feri-la porque pode imaginar sua dor.
Segunda posição intelectual é a capacidade de compreender como outra pessoa pensa, os tipos de idéias que tem e o tipo de opinião e resultados que detém.

A terceira posição é um passo para fora de sua visão e da visão da outra pessoa para uma perspectiva distanciada. Ali você pode ver o relacionamento entre os dois pontos de vista.

Todas posições são úteis. Muitas pessoas são bastante adeptas de uma posição, mas não tão boas em adotar outra. A melhor compreensão vem de todas as três.

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License